Performance ou Share

 

Um banner simples tem uma taxa de clique melhor do que um banner supercriativo.
Isto é bom ?
Para a mídia programática é. Para o impacto da marca, não é.
A visita ou clique, pode ser apenas curiosidade e servir somente para aumentar o bounced rate do site.
Os princípios que valeram para a construção de marca via comunicação na era off, não podem ter mudado tão radicalmente.
O que surpreende, o que é criativo, o que é emocionante, o que quase faz chorar ou chorar de tanto rir, não se encontra certamente em um banner simples.
A grande idéia precisa de espaço, elaboração e, por certo, muita tecnologia hoje para dar certo.
E isto não tem nada a ver com a performance dos cliques.
Uma mídia passiva programática pode até gerar lembrança por um breve intervalo, mas nada do tipo “memorável” .
Então, para bater em uma tecla que a gente adora, ser pós digital é acreditar nos valores que deveríamos ter herdado do mundo off: A mensagem para chegar ao coração do destino (ou destinatário) tem de conter uma excelente idéia, apresentada de uma excepcional forma.
E não ficar obcecado pelas métricas como taxa de cliques, quando o caso for construção de marcas.
Combinar estes sabores é o blend que vai fazer toda a diferença.

Quer a receita ? Entre em contato que a gente conta.

Bra digital

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *